sexta-feira, 1, março, 2024

“Novembro Negro” encerra programação com diversas atrações na Praça do Daae

Música, teatro, Feira das Nações e Papai Noel Negro compõem a agenda deste sábado (2)

Mais lido

Após uma agenda repleta de atividades marcantes para a cidade de Araraquara, o maior Novembro Negro da historia da cidade será concluído neste sábado (2), com um grande encontro na Praça do Daae, que fica na Rua Napoleão Selmi Dei, 26, Vila Harmonia, próximo ao Gigantão.

O evento terá início às 16h30 com a Feira das Nações, que também marcará o início da Semana dos Direitos Humanos. Trata-se de uma feira gastronômica, onde imigrantes produzem cardápios típicos de suas nacionalidades. Destaque para os cardápios do México (com burritos, tacos, nachos e quesadillas), da Síria (shawarma de frango, coalhada seca, esfiha, makdous/beringela recheada em conserva, baklava/doce árabe, homus e baba ghanoush), Afeganistão (bolani e oabuli), Palestina (charuto de três tipos, kibe assado e namura) e África, com bobotie (África do Sul), bachupa (Cabo Verde) e as bebidas Rosita e Ponche de mancarra (Cabo Verde).

Às 17h30, o público poderá acompanhar a apresentação do Samba Autêntico, com Mestre Irá e Cleber Augusto (ex-Fundo de Quintal), em comemoração ao Dia Nacional do Samba. Às 19h30, será inaugurada a tradicional decoração natalina da praça do DAAE, com apresentação teatral do Grupo 4i e chegada do Papai Noel Negro. A iluminação poderá ser vista durante todo o mês de dezembro.
A coordenadora de Políticas Étnico-Raciais, Alessandra Laurindo, falou sobre a importância do encontro. “É com muito carinho que fechamos a programação do mês de Novembro, que foi sem dúvidas o maior Novembro Negro da nossa história. Foi um período muito intenso, com inúmeras atividades que propuseram a interlocução de temas que impulsionam o combate ao racismo. Encerrar no Dia do Samba, com um Papai Noel Negro, apresentação natalina e em especial com a presença de um sambista tão simbólico como Cleber Augusto vem coroar toda proposta inicial de desconstruir o racismo e avançarmos para uma sociedade mais justa, equânime e de oportunidades iguais”, salientou.

A programação do Novembro Negro em Araraquara foi promovida pela Prefeitura através da Coordenadoria de Políticas Étnico-Raciais. Com o tema “Até onde vai o seu racismo?”, a campanha deste ano teve o objetivo de despertar para reflexão e envolver a população em geral para uma ação prática e efetiva, seja através do impacto visual, do estímulo à conscientização coletiva, mas principalmente para a valorização da identidade e da cultura afro-brasileira.

Redação

Mais Artigos

Últimas Notícias