quarta-feira, 29, maio, 2024

Rotary faz campanha de doação de sangue no Shopping Jaraguá

Evento é realizado simultaneamente em outras cidades da região; em Araraquara é uma parceria com o Hemonúcleo Regional

Mais lido

O próximo sábado será dia de ajudar a comunidade no Shopping Jaraguá, que sediará a campanha “Gente boa doa”, uma inciativa do Rotary que incentiva a doação de sangue em várias cidades da região. Em Araraquara, a ação é realizada em parceria com o Hemonúcleo Regional e a expectativa é que ao menos 300 pessoas participem da ação.

Todo o processo para a doação de sangue – triagem, entrevista e coleta – será realizado pela equipe do Hemonúcleo, preservando todas as normas de segurança e privacidade. A coleta começará às 10h e seguirá até às 14h, próximo à loja Di Gaspi. O atendimento será por ordem de chegada, sem necessidade de agendamento prévio.

“O Rotary desenvolve muitas ações em prol da comunidade e essa é uma delas. Nosso objetivo é contribuir com o estoque do banco de sangue da cidade e, com isso, salvar vidas. Estamos contentes com a parceria com o shopping, já que é um local com grande circulação, boa estrutura, e que pode potencializar o sucesso dessa campanha”, diz Rafael Passos, governador distrital do Rotary.

Para Daniel Eckert, Coordenador de Marketing do Shopping Jaraguá, a campanha é mais um indicativo do compromisso do shopping com a cidade. “Atuamos em várias frentes para o desenvolvimento da cidade. Trabalhamos para atrair novos investimentos, gerar emprego, e realizar eventos gratuitos de cultura e lazer, o que é intrínseco ao nosso negócio, mas não deixamos de lado ações como essa do Rotary, de arrecadação de alimentos e brinquedos e mesmo as da causa animal. Acreditamos que será um sucesso”, afirma.

Para participar da campanha é preciso ser maior de 18 anos e menor de 69 anos, pesar acima de 50kg e estar em boas condições de saúde. Uma boa noite de sono, de no mínimo 6h, também é importante, bem como ter uma refeição completa na noite que antecede a doação (jantar) e não fazer jejum. Uso de medicamentos, bem como doenças pré-existentes ou problemas de saúde recente, como dengue e covid, serão avaliados no momento da entrevista.

Redação

Mais Artigos

Últimas Notícias