quarta-feira, 17, julho, 2024

Afeanas se destacam em premiação do Brasileirão Feminino

Aline Gomes foi o destaque da cerimônia ao vencer a Bola de Ouro, enquanto Luciana, Day Silva e Luana levaram a Bola de Prata como melhores de suas posições

Mais lido

Quatro jogadoras da Ferroviária brilharam na cerimônia de entrega do Prêmio ESPN Bola de Prata Sportingbet, premiação concedida aos principais destaques do Brasileirão, tanto no masculino quanto no feminino. E o dia foi inesquecível para a jovem atacante Aline Gomes, que recebeu três premiações: a Bola de Prata nas categorias de melhor atacante e de revelação do campeonato e a Bola de Ouro de melhor jogadora da competição. As outras afeanas que receberam a Bola de Prata foram Luciana (melhor goleira), Luana e Day Silva (melhores zagueiras).

A façanha das afeanas rendeu um elogio nas redes sociais do prefeito Edinho, que definiu como um dia histórico para Araraquara, reforçando a cidade como a ‘capital do futebol feminino’. “Fruto das categorias de formação das Guerreiras Grenás, Aline Gomes representa o que acreditamos do projeto do futebol feminino: trabalho sério e profissional com as categorias de base, que reforçam o time principal e mantêm o time competitivo, disputando títulos. Além de Aline Gomes, foram eleitas como melhores atletas de suas posições para a Seleção do Campeonato, representando a Ferroviária, a goleira Luciana, e as zagueiras Luana e Day Silva. Assim como Aline, Luana também é fruto das categorias de formação das Guerreiras Grenás. Parabéns, vocês são o orgulho para nossa cidade”, postou.

A premiação coroa uma temporada brilhante de Aline Gomes, que colaborou para a Ferroviária chegar à final do Brasileiro e levantar a taça da Copa Paulista. Artilheira da equipe no ano, a menina de 18 anos disputou 31 jogos na temporada, com 13 gols e cinco assistências. Pelo Brasileiro, foi titular em 16 dos 19 jogos e balançou as redes em 10 ocasiões. A jogadora nasceu em Tabatinga e chegou à Ferroviária em 2020, após se destacar em uma seletiva. Em 2021, conquistou a Liga de Desenvolvimento Sub-16, que rendeu a vaga na Conmebol Fiesta Evolución Sub-16, considerada a Libertadores da categoria, conquistada pelas Guerreiras Grenás em 2022. No ano passado, ela foi um dos destaques no Campeonato Paulista Sub-20, inclusive com o gol marcado na final sobre o São Paulo. Em menos de um ano, ela saltou da Seleção Sub-17 para a Seleção Sub-20 e em seguida para a Seleção Principal, onde foi uma das suplentes na Copa do Mundo deste ano.

Luciana também teve um ano marcante. Destaque nas maiores conquistas das Guerreiras Grenás, ela voltou a figurar nas convocações da Seleção Brasileira e no mês passado recebeu o Título de Cidadã Araraquarense. As zagueiras Luana e Day Silva também chamaram a atenção do país na disputa do Brasileirão e mostraram um futebol seguro e consistente. Luana foi revelada pelas categorias de base da Ferroviária e foi peça importante nas conquistas das duas Libertadores do clube. Day Silva chegou à Ferroviária para essa temporada, após sagrar-se campeã da Libertadores do ano passado pelo Palmeiras e mostrou seu potencial com a camisa grená.

Os outros premiados

O prêmio de melhor técnico do Brasileirão Feminino foi para Arthur Elias, que atualmente assumiu a Seleção Brasileira Feminina, após passagem marcante à frente do Corinthians. Também foram premiadas as jogadoras Kati (lateral-direita), Duda Sampaio (meia), Jheniffer (atacante), Yasmin (lateral-esquerda), Luana Bertolucci (volante), Vic Albuquerque (meia) e Brena (Santos). Amanda Gutierres (Palmeiras) levou a Bola de Prata como artilheira (14 gols) e Vanessinha (Cruzeiro) venceu a disputa do gol mais bonito da competição.

No masculino

No Brasileirão masculino, os vencedores da Bola de Prata foram Weverton (Palmeiras); Mayke (Palmeiras), Murilo (Palmeiras), Adryelson (Botafogo), Piquerez (Palmeiras); Villasanti (Grêmio), Pulgar (Flamengo), Arrascaeta (Flamengo), Raphael Veiga (Palmeiras); Luis Suárez (Grêmio) e Hulk (Atlético-MG). Abel Ferreira (Palmeiras) levou a Bola de Prata de melhor técnico e Endrick (Palmeiras) de revelação. Já a Bola de Ouro, concedida ao atleta eleito o melhor jogador do campeonato, foi para o atacante uruguaio Suárez, do Grêmio.

Redação

Mais Artigos

Últimas Notícias