quinta-feira, 29, fevereiro, 2024

FliSol: no sábado (11) atividades serão realizadas na Biblioteca Mário de Andrade

FliSolzinha acontece no Sesc Araraquara onde será encenado o espetáculo infantil “Mário e as Marias”, com a Cia. Lúdicos de Teatro Popular, às 16 horas

Mais lido

No sábado (11), a Feira de Livros e as mesas literárias da FliSol – Festa Literária da Morada do Sol serão todas realizadas na Biblioteca Municipal Mário de Andrade: “Velho é o preconceito” (10h), “Documentário – Baile do Carmo” (14h30), e “Cartas abertas” e a performance artística “Maia canta Ney” (19h). Também, no Sesc Araraquara, será realizada a programação infantil da FliSolzinha com a encenação do espetáculo “Mário e as Marias”, com a Cia. Lúdicos de Teatro Popular (16h).

A FliSol 2023 é uma realização do Instituto Colibri, em parceria com a Prefeitura de Araraquara, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Fundart – Coordenadoria de Acervos e Patrimônio Histórico. Entre os parceiros do evento estão Câmara Municipal de Araraquara, EPTV – São Carlos, Senac Araraquara, Sesc Araraquara, Unesp – Araraquara, Uniara, Sincomércio e Academia Araraquarense de Letras.

Todas as atividades da FliSol são gratuitas. Mais informações sobre o evento podem ser acompanhadas no site da Prefeitura de Araraquara ou pelas redes sociais da FliSol e pelo site do Instituto Colibri.

Mesas literárias – A mesa “Velho é o preconceito”, às 10h, tem o objetivo de provocar uma reflexão sobre o etarismo e seu impacto nas pessoas mais velhas. Rever velhos chavões, entender que mesmo na velhice pode-se produzir de várias formas entendendo a vida de uma forma mais humanizada. Todos têm sonhos e as pessoas mais velhas também. O etarismo estrutural desconsidera a vida e ofende sua dignidade.

Nesta atividade participam as integrantes do Coletivo Mulheres na Literatura: Cidinha Pardini, Rosmari Capella, Sonia Guzzi, Fátima Scandinari, Selma Salum Alves, e Rosmari Capella. A mesa será mediada pela escritora de Araraquara, Dani Raphael.

À tarde, a mesa “Documentário – Baile do Carmo” (audiovisual) será realizada às 14h30, com Shaynna Pidori (diretora do filme) e mediação da vereadora Fabi Virgílio.

À noite, às 19h, é a vez da mesa literária “Cartas abertas”, com Dani Raphael, e Ryane Leão, sob mediação de Rafaela Modé. Após a mesa, haverá a apresentação de “Maia canta Ney”, com Mia e Lucas Bardo (piano).

Vale destacar que Ryane Leão é poeta bestseller e educadora cuiabana que vive em São Paulo. Publica seus escritos na página “Onde jazz meu coração”, com mais de 600 mil leitores. “Tudo nela brilha e queima” é seu primeiro livro, lançado pela Editora Planeta em 2017. Também pela Editora Planeta, a autora participou da antologia “Querem nos calar”, que reuniu quinze poetas de todas as regiões do Brasil. Em 2019 lançou seu segundo livro “Jamais peço desculpas por me derramar” e, no momento, está escrevendo sua terceira obra. É fundadora da Odara – English School for Black People, escola de inglês afro-referenciada para população negra. Ryane é do axé, filha de Oyá com Ogum e sabe que ser vento é sempre seguir em frente.

A araraquarense Dani Raphael é escritora, aquarelista, empresária e graduanda em Filosofia e Letras pela Uninter, além de mãe de dois filhos.

Dani escreve crônicas, contos e poemas livres e sempre encontrou na poesia uma das suas mais belas formas de expressão. Em seus textos sinestésicos é possível reconhecer seu eu lírico sensível e apaixonado. Amante de bons livros, busca inspirações em grandes autores como Clarice Lispector, Florbela Espanca e Nietzsche.

É integrante da Academia Araraquarense de Letras, nomeada em 2022 e empossada em 2023, curadora da Flisol 2023 e uma das líderes do Coletivo de Escritores Araraquarenses: Escritas de Rua. É colaboradora dos blogs e das revistas digitais: Cronicart e Masticadores Brasil.

Dani é autora dos livros físicos: “Lilith em Escorpião – o despertar”, publicado em 2022 pela editora Floresça; “Renascer em mim”, publicado em 2021 pela editora Brunsmark; e dos livros digitais publicados pela KDP Amazon: “Pra ela – poemas de amor”; “Tua – Em todas as formas de soletrar o amor”; “Quando resolvi me amar”,” Poesias e Segredos” e “Entre Flores e Poesia”.

A mediadora Rafaela Modé é psicóloga, capacitada em Terapia Cognitiva Comportamental, com vários cursos na área. Também possui graduação em Letras e em Direito. Tem pós-graduação em Terapia Cognitiva Comportamental em processo de finalização, Formação em Educação a Distância e Pós-graduação em Psicopedagogia Institucional. Atua em consultório particular como psicóloga. Foi Coordenadora de Direitos Humanos e Diretora da Escola de Governo do Município de Araraquara.

Ainda, sobre “Maia canta Ney”, Maia interpreta algumas das canções mais emblemáticas de Ney Matogrosso, uma das maiores vozes masculinas da MPB até hoje, acompanhado pelo músico Lucas Bardo, no piano. Cantor e ator, Maia iniciou sua carreira por meio do teatro. Dono de um timbre e performance marcantes, carrega em sua personalidade a versatilidade, o drama e a preocupação com a estética e a poética em suas interpretações.

Mais atividades – Já a FliSolzinha, neste sábado estará na Convivência do Sesc Araraquara, com a apresentação do espetáculo infantil “Mário e as Marias”, encenado pela Cia. Lúdicos de Teatro Popular. É às 16h e não é necessária a retirada de ingressos, é só chegar e participar!

Neste espetáculo, o menino Mário recebe, de presente de seus pais, um par de óculos muito especiais, que permitem que ele enxergue o seu mundo de forma surpreendente. Mário e as Marias propõe uma viagem inspirada livre e antropofagicamente na vida e obra de Mário de Andrade.

Vale lembrar que a Feira de Livros da FliSol será realizada na Biblioteca Municipal Mário de Andrade, das 9h30 às 20h, com a participação de: Adriana Lins, Adrienne Savazoni, Alessa Boreggio, Ale Conto, Amonet Mc, ANA FANTI, Azucena Rodriguez, Camila Aparecida da Silva, Daniel German Ramos Gastaldi, Elisa Coelho, Flávio Komatsu, Nélio Silzantov, Higor Joioso, Marcelo Brambilla, Márcia Luiz, Cidinha Pardini, Paula Kranz, Rodolfo Sotratti, Prof. Dr. Rodrigo Magosso, e Rigolon.

A organizadora da FliSol, Bernadete Passos, informa que a Feira de Livros também contará com a participação da Academia Araraquarense de Letras, da Academia São-carlense de Letras e do grupo MEA – Mulheres Empreendedoras de Araraquara.

SERVIÇO:

FliSol – Festa Literária da Morada do Sol

Data: sábado (11 de novembro)

Programação:

9h30 às 20h: Feira de Livros

Local: Biblioteca Municipal Mário de Andrade (Rua Carlos Gomes, 1729 – Centro)

10h: Mesa 09 – “Velho é o preconceito”

Com: Coletivo Mulheres na Literatura (Cidinha Pardini, Rosmari Capella, Sonia Guzzi, Fátima Scandinari, Selma Salum Alves, e Rosmari Capella) + mediação de Dani Raphael

Local: Biblioteca Municipal Mário de Andrade (Rua Carlos Gomes, 1729 – Centro)

14h30: Mesa 10 – “Documentário – Baile do Carmo” (audiovisual)

Com: Shaynna Pidori (diretora) + Fabi Virgílio + Roda de conversa com convidados do Baile do Carmo

Local: Biblioteca Municipal Mário de Andrade (Rua Carlos Gomes, 1729 – Centro)

16h: Espetáculo teatral “Mário e Maria”, com Cia. Lúdica (FliSolzinha)

Local: Sesc Araraquara

19h: Mesa 11 – “Cartas abertas” + performance artística

Com: Dani Raphael, e Ryane Leão + mediação de Rafaela Modé

Participação artística: “Maia canta Ney”, com Maia e Lucas Bardo (piano)

Local: Biblioteca Municipal Mário de Andrade (Rua Carlos Gomes, 1729 – Centro)

Programação gratuita

Redação

Mais Artigos

Últimas Notícias