terça-feira, 16, abril, 2024

Rodovia Washington Luís, entre São Carlos e Araraquara, recebe obras de melhoria no pavimento 

Cerca de R$ 50 milhões serão investidos em obra que está sendo realizada no período noturno e continuará pelos próximos 30 dias

Mais lido

A EcoNoroeste iniciou os trabalhos emergenciais de fresagem (remoção da camada superficial) e recomposição do pavimento na Rodovia Washington Luís (SP 310) entre São Carlos e Araraquara. Estão previstas intervenções em aproximadamente 30 quilômetros, entre o km 227 e km 240, em ambos os sentidos. As obras são realizadas entre 21h e 5h para garantir a segurança viária e a fluidez do tráfego, evitando transtornos aos usuários.

Em paralelo à essa ação, as equipes também estão atuando na região de São José do Rio Preto, onde já foram recuperados mais de 40 quilômetros de asfalto e a alça de acesso da SP 320 para a SP 310.

O objetivo destas obras emergenciais é estabelecer melhores condições de tráfego nos 442 quilômetros que, há dois meses, passaram a ser administrados pela EcoNoroeste.  “Esse trabalho de recuperação faz parte do nosso Plano de Adequação Inicial, que será finalizado até novembro deste ano”, explicou Giuliano Gazabim, gerente de Engenharia da concessionária. Nesse período, estão sendo investidos mais de R$ 50 milhões nos serviços de pavimento.

Para garantir que os trabalhos sejam eficazes, a equipe de engenharia da empresa realizou um diagnóstico detalhado do pavimento, cuja situação foi agravada pelo longo período de chuvas. Além das obras de recuperação em andamento, equipes da EcoNoroeste têm feito reparos pontuais em todo o trecho (tapa-buraco), além de podas de vegetação, substituição de placas, recuperação e limpeza de drenagens.

Obras previstas

Os trabalhos preparatórios para as grandes melhorias na malha viária também estão em desenvolvimento, cujo início está previsto para os próximos anos. Serão 123 quilômetros de duplicações, 95 quilômetros de faixas adicionais, além da implantação e/ou adequação de 26 quilômetros de vias marginais nos trechos urbanos, uma demanda antiga das populações de São Carlos e São José do Rio Preto. Também serão construídos 75 quilômetros de ciclovias e implantadas ou adequadas 42 passarelas. Outro importante investimento beneficia diretamente os usuários de caminhões, que representam 65% do tráfego no trecho: três Pontos de Parada e Descanso – um novo e outros dois ampliados – em locais estratégicos para que esses profissionais façam uma pausa segura em suas jornadas.

Infraestrutura Operacional 

A EcoNoroeste também possibilitou a ampliação da estrutura de suporte nas rodovias com 13 postos de serviço de atendimento ao usuário; 45 viaturas para socorro nas rodovias, entre guinchos, ambulâncias, veículos de inspeção e outros. A concessionária também ampliará para 300 o número de câmeras de monitoramento nas estradas e construirá novas bases para a Polícia Militar Rodoviária.

Sobre a EcoNoroeste

A EcoNoroeste é a mais nova concessão do grupo EcoRodovias. Responsável pela administração de cinco rodovias no interior paulista, a empresa inicia seu trabalho em 1º de maio, com a operação das rodovias Washington Luís (SP 310), Brigadeiro Faria Lima (SP 326) e Carlos Tonanni, Nemésio Cadetti, Laurentino Mascari e Dr. Mario Gentil (SP 333) e, em 2025, assumirá outros 158 quilômetros de estradas. O trecho compreende um importante corredor logístico para o transporte de produtos agropecuários e de fertilizantes.

Sobre a EcoRodovias 

A EcoRodovias é a operadora com maior extensão de malha rodoviária do país. Subsidiária do Grupo ASTM, atualmente administra 11 concessões de rodovias que somam 4,7 mil quilômetros de extensão em oito estados nas regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste, Norte e Nordeste. Ao longo de mais de 20 anos, a EcoRodovias está presente em corredores rodoviários de escoamento da produção agrícola e industrial, bem como em relevantes eixos turísticos do país, viabilizando caminhos nunca antes imaginados. Integra importantes carteiras relacionadas a práticas ambientais, sociais e de governança, tais como Novo Mercado da B3 e o Índice de Sustentabilidade Empresarial. Possui diversas certificações internacionais, incluindo a ISO 37001, de combate ao suborno. Para mais informações, acesse www.ecorodovias.com.br.

Redação

Mais Artigos

Últimas Notícias