sexta-feira, 23, fevereiro, 2024

Seu Jorge faz show gratuito em Araraquara neste dia 20

Time de estrelas pretas faz o maior novembro negro da história da cidade: Teresa Cristina (dia 18), Rincon Sapiência (dia 19) e Mariene de Castro e Seu Jorge (dia 20); Pratas da casa também se apresentam

Mais lido

Araraquara celebra a Consciência Negra com uma programação musical bastante especial que apresenta um time de grandes cantoras e cantores pretos. A programação terá início no sábado (18) e segue até o feriado da Consciência Negra, celebrado na segunda-feira (20 de novembro). O prefeito Edinho anunciou a programação em live realizada em suas redes sociais nesta sexta-feira (10), ao lado da Secretária de Cultura, Teresa Telaroll; da coordenadora de Políticas Étnico-Raciais de Araraquara, Alessandra Laurindo, e do gerente do Sesc Araraquara, Rafael Barcot.

Teresa Cristina (sábado, dia 18), Rincon Sapiência (domingo, dia 19), Mariene de Castro e Seu Jorge (feriado na segunda, dia 20) são as estrelas da programação, que contará ainda com artistas “pratas da casa”, que serão selecionados por meio de edital.

Os shows ocorrem no CEAR (Centro de Eventos de Araraquara e Região), em uma realização da Prefeitura de Araraquara e Ministério do Turismo, com apoio institucional do Sesc, em cumprimento ao acordo de cooperação firmado entre Ministério do Turismo com os departamentos nacionais do Sesc e do Senac.

A entrada é gratuita, mas pode ser solidária com a doação de alimento não perecível ao Fundo Social de Solidariedade. Toda a arrecadação será revertida às entidades cadastradas que prestam serviços às famílias carentes da cidade.

Além dos shows, o CEAR contará também com a 5ª edição da FeirAfro 2023, com exposição e comercialização de produtos e alimentos e prestação de serviços, que está sendo organizada pela Coordenadoria de Políticas Étnico-raciais, da Secretaria de Direitos Humanos e Participação Popular.

Para o prefeito Edinho, trata-se do maior Novembro Negro de Araraquara. “É um mês todo marcado por diversas atividades para que a gente possa fazer a reflexão, debater a sociedade que queremos. Uma sociedade sem preconceitos”, disse Edinho.

O prefeito enalteceu o apoio do governo do presidente Lula. “Agradeço ao ministro do Turismo do Brasil, Celso Sabino, pelo apoio e comprometimento e, claro, em nome dele ao governo do presidente Lula, que está nos apoiando na organização deste momento tão especial para a cidade”, destacou. Araraquara tem tradição na organização do Mês da Consciência Negra, sendo feriado desde 2007. “É, de fato, o maior novembro negro da nossa história”, pontuou o prefeito.

“O Sesc está apoiando institucionalmente o evento do Mês da Consciência Negra pela importância de estarmos todos e todas inseridos nessa temática de combate ao preconceito e à discriminação e de promovermos esse debate, continuamente, junto à população. Esse apoio ocorre em cumprimento ao acordo de cooperação firmado entre Ministério do Turismo com os departamentos nacionais do Sesc e do Senac”, destacou Rafael Barcot, Gerente do Sesc Araraquara.

Para Alessandra Laurindo, trata-se de um momento especial já que, com várias atividades descentralizadas, coroadas com a programação de shows nos dias 18, 19 e 20, há possibilidade de diálogo com toda a sociedade sobre a luta antirracista. “É um novembro muito especial, preparado com muito carinho, com muito esforço, para entregar o melhor para Araraquara. Estamos felizes com essa programação e tenho certeza que toda sociedade vai prestigiar. Esse é o nosso objetivo”, avaliou ela.  

Novembro Negro

Vale lembrar que neste mês de novembro, a Prefeitura de Araraquara realiza a programação “Novembro Negro” com o tema “Até onde vai o seu racismo?”. A programação vai até o dia 02 de dezembro com uma ampla agenda de atividades que envolve ainda apresentações musicais e artísticas, exposições, inauguração do Centro de Cultura das Religiões de Matrizes Africanas, exibições comentadas de documentários, comemoração do Dia da Umbanda, atividades de letramento racial, Ciclo de Formação Aquilombamento Aqualtune, Prêmio Zumbi dos Palmares na Câmara Municipal e a Marcha da Consciência Negra.

Confira as estrelas da programação da Consciência Negra de Araraquara:

Teresa Cristina (dia 18)

Elas fazem o samba acontecer: Teresa Cristina traz de volta aos palcos “Sorriso Negro”, show apenas com mulheres no palco. Cada vez mais, a força feminina se faz necessária e presente em toda e qualquer situação. Desde cargos poderosos até destaques culturais, as mulheres têm conquistados seus espaços.

Com Teresa Cristina, não é diferente. Para apresentar o show “Um Sorriso Negro”, ela reúne uma banda formada exclusivamente por mulheres. O repertório é todo de compositoras e compositores pretos. A direção musical é da própria Teresa Cristina, que tem verdadeiro orgulho desta apresentação tão significativa para seu povo.

Após fazer limonadas inesquecíveis do limão que a quarentena lhe deu, alçada ao posto de “Rainha das Lives”, ela presenteia o público com um repertório que resgata sambas inesquecíveis de Dona Ivone Lara, Lecy Brandão, Jovelina Pérola Negra, Candeia, Cartola e Wilson Moreira.

O show é uma extensão do que a cantora exerce na vida. A humildade de abrir espaço à outras mulheres do samba. Sejam pretas ou brancas; elas fazem parte da cultura, estão vivas e merecem ser percebidas. “Nossa luta é por visibilidade. Ganhamos espaço, tomamos nossos postos, mas ainda falta muito para a igualdade, para o resgate do protagonismo. A mulher não cabe como coadjuvante da história”, acredita Teresa.

De volta ao capítulo musicais, serão apresentadas canções como “Alvorada”, “Axé de Ianga”, “Zé do Caroço” e “Sorriso Negro”. “São histórias que se misturam: a dos negros e a do samba. No show, tento traduzir essa constatação através das músicas”, declara.

Para encontrar Teresa Cristina nas redes, acesse: Facebook – Teresa Cristina, Instagram @teresacristinaoficial, YouTube youtube.com/teresacristinaoficial, e Twitter @teresacristina.

Rincon Sapiência (dia 19)

O MC, produtor e empresário Rincon Sapiência é um artista de destaque na cena musical brasileira. Em 2017, lançou Galanga Livre, seu álbum de estreia, que entrou para a lista dos 50 melhores álbuns da música brasileira de 2017 da Associação Paulista dos Críticos de Artes (APCA) e ganhou dois troféus do Superjúri no Prêmio Multishow daquele ano. A premiação também rendeu o título de Revelação do Ano, reforçado pela sua eleição como Artista do Ano pela APCA e a escolha como melhor disco do ano pela revista Rolling Stone Brasil.

Sapiência trabalhou na divulgação do álbum no Brasil e no exterior, período em que também reafirmou a sua versatilidade artística em parcerias musicais com Sidney Magal, Alice Caymmi, Rubel, Drik Barbosa e IZA.

Em 2018, o artista lançou o seu próprio selo musical independente, chamado MGoma, apostando em seu reconhecimento como um dos produtores musicais mais respeitados da cena. Em novembro de 2019, Rincon lançou “Mundo Manicongo: Dramas, Danças e Afroreps”, seu tão aguardado segundo álbum de carreira, inteiramente produzido e dirigido por ele.

No novo disco, o artista viaja pelos mais diversos ritmos, norteado pela musicalidade de vertentes da música pop contemporânea africana. Abusando da psicodelia e com uma pegada menos orgânica, no disco também se destaca o diálogo com ritmos originários das periferias, como o pagodão baiano e o funk brasileiro – desde o Mandela até o 150 bpm – e indo até o grime inglês.

Mariene de Castro (dia 20)

A cantora, compositora e atriz brasileira Mariene de Castro se destaca por exaltar a cultura afro-brasileira em sua obra musical. Nascida em Salvador, despontou no cenário musical brasileiro identificada como uma força da natureza.

A intimidade com o palco, que fica latente a quem assiste a um show da artista, começou muito cedo. Cantando profissionalmente desde os 17 anos, foi integrante do grupo Timbalada antes de traçar a carreira de sucesso no Brasil e no exterior.

Para Araraquara, ela traz um show “Maria das Marias”, que celebra as mulheres da música brasileira, sua potência transformadora e resistência – em especial as mulheres sambistas.

No repertório, Mariene apresenta sambas clássicos, como Sonho Meu, Folhas Secas, Marinheiro Só e Não Deixe o Samba Morrer, imortalizados nas vozes de nomes como Alcione, Beth Carvalho, Clementina de Jesus e Dona Ivone Lara – entre outras. Assim, “Maria das Marias” faz uma grande festa honrando todas as Marias e toda a ancestralidade.

Seu Jorge (dia 20)

Um dos artistas brasileiros mais respeitados na atualidade canta sucessos da carreira em show contagiante

Com um timbre de voz inconfundível e presença de palco hipnotizante, Seu Jorge é um dos artistas mais relevantes da música popular brasileira no mundo. Com 23 bem-sucedidos anos de carreira, o cantor, compositor e multi-instrumentista de MPB, R&B, samba e soul conquistou milhares de fãs e já esgotou ingressos nas principais casas de espetáculos por onde se apresentou.

Seu Jorge transita por diversos estilos musicais com muita naturalidade e excelência. Sempre promovendo uma festa em cima do palco, ele coloca o público para dançar freneticamente aos sons de hits como “Carolina”, “Burguesinha”, “Mina do Condomínio”, “Pessoal Particular”, “Quem não quer sou eu”, “Zé do Caroço”, “Amiga da minha Mulher”, “Tive Razão”, entre outras.

Acompanhado de um supergrupo, o frontman cumpre a missão em trazer mais do que o gingado da música brasileira, mas também pela forma impressionante em que passeia pelos mais diversos gêneros, nas guitarras do rock psicodélico e até na influência de David Bowie.

Neste show, Seu Jorge exibe seu talento, intensidade e versatilidade ao executar clássicos que fazem parte da nova história da cultura brasileira. “A escolha do repertório é algo natural, mas faço questão em escolher as músicas mais dançantes e que também tocam o coração das pessoas”, comenta o artista.

Durante toda a apresentação, Seu Jorge alterna momentos nostálgicos, grandes versões e impressões pessoais ao interpretar o seu extenso legado entre parcerias, contribuições, álbuns e participações.

Patrocínio: Bet Nacional

Sobre o artista

Seu Jorge, apelido que lhe seria dado pelo amigo e baterista Marcelo Yuka, alcançou a sua primeira realização profissional como músico em 1998, quando integrou a banda Farofa Carioca e lançou o disco Moro no Brasil em Portugal, no Japão e no Brasil.

Em 2004, gravou em Roma, o videoclipe da música “Tive Razão”, um hit também em terras dos descobridores, com participação dos atores Willen Dafoe e Bill Murray. Em seguida lançou o DVD MTV Apresenta Seu Jorge e compôs com o músico BID a faixa e depois para o disco Bambas e Biritas Vol. 1.

Por dois anos consecutivos (2003 e 2004) ganhou o prêmio APCA de melhor cantor do ano. Em setembro de 2004 lançou o disco CRU em França e Inglaterra, resultando em cinco estrelas nos editoriais das revistas Rolling Stones, Elle France, Vogue France e participações em programas de TV.

Seu Jorge define-se a si mesmo como um cantor e compositor popular, que gosta de inúmeros gêneros musicais, mas cujo fundamento é o samba: “O samba é a nossa verdade, nossa particularidade, é nossa medalha de ouro, nosso baluarte, nosso estandarte brasileiro”.

SERVIÇO:

Programação de Shows “Novembro Negro” Araraquara

Realização: Prefeitura Municipal de Araraquara, Sesc e Ministério do Turismo

Data: de 18 a 20 de novembro

Local: CEAR (Centro de Eventos de Araraquara e Região) –

Horário: A partir das 18 horas

Entrada: gratuita, mas pode ser solidária. Doe alimento.

Sábado (18/11)

– 18h30 – Apresentação Pratas da Casa (artistas locais selecionados por edital)

– 19h30 – Apresentação Pratas da Casa (artistas locais selecionados por edital)

– 20h30 – Show Teresa Cristina

Domingo (19/11)

– 18h30 – Apresentação Pratas da Casa (artistas locais selecionados por edital)

– 19h30 – Apresentação Pratas da Casa (artistas locais selecionados por edital)

– 20h30 – Show Rincon Sapiência

Segunda-feira (20/11)

– 16h30 – Concentração da tradicional Marcha da Consciência Negra na Praça do Japão (próximo ao INSS)

– 17h30 – Saída da marca da Consciência Negra rumo ao CEAR

– 19h30 – Show Mariene de Castro (palco 1)

– 21h – Show Seu Jorge (palco 2)

Redação

Mais Artigos

Últimas Notícias