sexta-feira, 23, fevereiro, 2024

Câmara entrega Título de Cidadão Araraquarense a delegado Fernando Giaretta 

Responsável pela Delegacia Seccional de Araraquara desde 2010 foi homenageado em Sessão Solene após indicação do vereador Marcos Garrido (Patriota)

Mais lido

O titular da Delegacia Seccional de Araraquara, Fernando Luiz Giaretta, recebeu o Título de Cidadão Araraquarense da Câmara Municipal em Sessão Solene na noite de segunda-feira (30). A homenagem foi indicada pelo vereador Marcos Garrido (Patriota) e aprovada pelos demais parlamentares. 

Nascido em Santa Rita do Passa Quatro (SP), Giaretta trabalha na Morada do Sol desde 2010, quando recebeu e aceitou o convite para ser o delegado da Seccional, que é responsável pelas delegacias de Araraquara e outros 18 municípios da região — Américo Brasiliense, Boa Esperança do Sul, Borborema, Cândido Rodrigues, Dobrada, Fernando Prestes, Gavião Peixoto, Ibitinga, Itápolis, Matão, Motuca, Nova Europa, Rincão, Santa Ernestina, Santa Lúcia, Tabatinga, Taquaritinga e Trabiju. 

“Araraquara abre os braços para chamar de filhos aqueles que vieram para, com amor, competência, honestidade, hombridade e honradez, enaltecer a nossa Morada do Sol. Reconhecemos como filho querido, hoje condecorado, doutor Fernando Luiz Giaretta, que enobrece ainda mais esse rol de filhos amados de Araraquara”, afirmou Garrido. 

Representando o prefeito Edinho Silva (PT), o secretário municipal de Cooperação dos Assuntos de Segurança Pública, João Alberto Nogueira Júnior, destacou que conta com a parceria de Giaretta e das demais forças policiais desde 2017, quando assumiu a gestão da segurança no município. 

“Temos realizado um trabalho que coloca Araraquara em destaque no cenário da segurança pública. O Anuário Brasileiro de Segurança Pública de 2023 apontou Araraquara como a segunda cidade mais segura do Brasil na faixa populacional entre 200 mil e 500 mil habitantes. Isso é fruto de um trabalho. O senhor, Fernando, e toda sua equipe têm participação decisiva nisso”, disse. 

“As minhas palavras são de cumprimento pela merecida homenagem, mas também de agradecimento para toda a corporação que o senhor representa, a nossa Polícia Civil do Estado de São Paulo”, complementou o secretário. 

Dimas Ramalho, conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP), enviou um vídeo exibido na Sessão Solene e parabenizou o homenageado. “É o reconhecimento da cidade a um policial que orgulha a carreira. É o reconhecimento a uma pessoa que dedica a sua vida para a comunidade de Araraquara e da região. Araraquara acolhe as pessoas de bem, abre os braços, reconhece o trabalho”, declarou. 

O homenageado recordou que sua ligação com Araraquara começou em 1967, quando veio à cidade pela primeira vez para assistir ao amistoso festivo Ferroviária 2 x 2 Cruzeiro. O time afeano havia conquistado o acesso à divisão principal do futebol paulista, enquanto os mineiros comemoravam um título brasileiro. 

Décadas depois, sua carreira profissional colocou novamente Araraquara como destino. Giaretta agradeceu à Câmara e ao vereador Garrido pela honraria. “Araraquara, de braços abertos, recebeu este santa-ritense. E agora eu, com muito orgulho, me torno Cidadão Araraquarense. Obrigado a todos”, disse o delegado. 

A Sessão Solene foi transmitida ao vivo pela TV Câmara e ainda pode ser assistida pelo Facebook e pelo YouTube. Estiveram presentes no evento promotores de Justiça, delegados de Polícia e outras autoridades da área da segurança pública. 

Trajetória 

Fernando Giaretta formou-se em Direito pela Universidade de Ribeirão Preto (Unaerp). Atuou como advogado na capital paulista até 1986, quando foi aprovado em concurso público para delegado da Polícia Civil. 

Após o curso de formação, foi designado a exercer suas funções na cidade de Fernando Prestes (SP). Nessa época, ele era escalado para plantões em Araraquara, passando a criar seus primeiros laços profissionais com a Morada do Sol. 

Foi também durante o período como delegado em Fernando Prestes que Giaretta conheceu sua esposa, Maria Antonieta, com quem teve uma filha, Maria Fernanda. 

Em 1989, o delegado foi transferido para o 1º Distrito Policial (DP) de Taquaritinga, assumindo a titularidade em 1992. Mais tarde, em 2010, recebeu o convite para ocupar o cargo de delegado seccional na Morada do Sol.  

Giaretta continuou seus estudos e ascendeu à Classe Especial na carreira de delegado de Polícia. 

Redação

Mais Artigos

Últimas Notícias