segunda-feira, 27, maio, 2024

Centro de Cultura das Religiões de Matrizes Africanas recebe letramento indígena neste sábado (20)

Atividade é uma parceria entre o Sesc Araraquara e a Coordenadoria de Políticas Étnico-Raciais da Prefeitura de Araraquara

Mais lido

Neste sábado (20), o Centro de Cultura de Religiões de Matrizes Africanas “Genny Clemente” (Rua Tanios Zbeidi, 506, no Centro Empresarial e Industrial Omar Maksoud) receberá a oficina “Letramentos indígenas: História e culturas na sala de aula”, uma ação desenvolvida por meio de uma parceria entre o Sesc Araraquara e a Coordenadoria de Políticas Étnico-Raciais, que integra a Secretaria de Direitos Humanos e Participação Popular da Prefeitura de Araraquara.

Adan Parisi, técnico de programação do Sesc, ressalta que a oficina atende a Lei 10.639/03 e a Lei 11.645/08. “Essa oficina se constitui enquanto espaço para oferecer subsídios epistemológicos e didáticos, contribuindo para minimizar as ações produzidas pelo racismo e discriminações aos povos indígenas nos espaços educacionais ao longo da história. Traz à tona outros olhares, contrastando com as concepções colonialistas e etnocêntricas que ainda perduram”, comentou.

A coordenadora de Políticas Étnico-Raciais, Alessandra Laurindo, enalteceu a união de esforços em busca de uma educação antirracista. “Parcerias como essas são essenciais para promoverem uma educação antirracista de qualidade de forma ampla e o fato do Centro de Cultura receber a atividade é também uma oportunidade para que mais pessoas conheçam o espaço e descontruam os pré-conceitos relativos ao racismo religioso”, frisou.

A atividade será ministrada pelo professor Aly Orellana, que atua com literaturas e culturas indígenas. É professor substituto no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) nas disciplinas “educação e currículo”, “didática da alfabetização” e “literatura para crianças e contação de histórias”. É professor na Faculdade Sumaré das disciplinas “currículos e programas” e “literatura infantil”. É formador de professores para a Educação das Relações Étnico-Raciais: Lei 11.645/08. Foi pesquisador no projeto do Observatório da Educação Escolar Indígena MEC/PUCSP (2009- 2012), atuando principalmente nos seguintes temas: história da educação escolar indígena, formação de professores indígenas e interculturalidade. Atualmente administra a página “Letramentos indígenas”, ministra cursos, oficinas e consultorias para escolas, universidades e entidades culturais com a finalidade de realizar um letramento étnico-racial a partir da perspectiva dos povos originários.

SERVIÇO

Oficina “Letramentos indígenas: História e culturas na sala de aula
Data
: Sábado, 20 de abril
Horário: Das 10h às 13h
Local: Centro de Cultura de Religiões de Matrizes Africana “Genny Clemente”
Endereço: Rua Tanios Zbeidi, 506, no Centro Empresarial e Industrial Omar Maksoud
Gratuito

Redação

Mais Artigos

Últimas Notícias