segunda-feira, 27, maio, 2024

Mumuzinho é destaque na Festa do Trabalhador

Festa do Trabalhador, na quarta-feira, será realizada na Praça Scalamandré Sobrinho com diversas atrações

Mais lido

O alto astral do cantor Mumuzinho é o grande destaque da Festa do Trabalhador, promovida pela Prefeitura de Araraquara, com o apoio institucional do Governo Federal (via Ministério do Turismo) e Sesc, além da parceria com Centrais Sindicais. A festa gratuita tem início às 15 horas na Praça Scalamandré Sobrinho e reúne Mumuzinho, Cesar MC e pratas da casa.

A programação conta com ônibus gratuito o dia todo, além de brinquedos, pipoca e algodão doce e atividades esportivas e culturais com monitores. Também, um ato político com homenagem a dois trabalhadores in memorian será realizado às 19h.

O destaque da programação é a música, com diversos shows realizados das 15h até o encerramento, previsto para às 21h com show de Mumuzinho, o cantor carismático que é referência no universo do samba e que sempre participa das rodas de samba mais animadas do país.

Cesar MC também é convidado da Festa do Trabalhador, com show às 18 horas – o artista criado nas batalhas de rimas no Espírito Santo tem seus trabalhos com mais de 120 milhões de views nas plataformas digitais, com destaque para a música “Canção Infantil” que recebeu o disco de platina pela marca de 60 milhões de players.

Ainda, um time de “pratas da casa” coloca mais brilho na festa, com: o sertanejo de Jéssica Silva e também de Dani e Danilo, a partir das 15h; o Hip Hop da Conexão das Minas, às 17h; e o repertório animado do grupo Samba de Batom, às 19h30 (antes do show de Mumuzinho). Vale destacar a participação do DJ Bizzo nos intervalos entre os shows.

Toda a programação é gratuita. A Praça Scalamandré Sobrinho está localizada na Rua Mauro Pinheiro, s/nº, na Vila Ferroviária, em frente à Arena da Fonte.

Conheça mais sobre as atrações da Festa do Trabalhador:

•       Mumuzinho

Dono de um bom humor soberano, imitações hilárias e um carisma incomparável, Mumuzinho, nome artístico de Márcio da Costa Batista, hoje, aos 41 anos, é uma das referências no mundo do samba como cantor, compositor, ator e apresentador.

De uma sonoridade única, suas músicas cantam o amor de forma bem-humorada, têm comunicação imediata com o público jovem e tratam de assuntos contemporâneos, vividos em qualquer roda de amigos ou esquina do país.

Com mais de 8 milhões de fãs e seguidores em suas redes sociais oficiais em que compartilha detalhes de sua carreira e vida pessoal, o cantor segue conquistando milhares de admiradores e vem marcando presença nas melhores rodas de samba de todo o Brasil.

Para a Festa do Trabalhador de Araraquara, Mumuzinho traz um pouco do seu último projeto “Resenha de Verão”, produzido após mais um marco em sua carreira: a indicação ao Grammy Latino na categoria melhor álbum de samba/pagode com a “Resenha do Mumu” no ano passado.

“Resenha de Verão” presta homenagens para grandes nomes da música brasileira, mas o show traz ainda um repertório variado, com os maiores sucessos de Mumuzinho, com músicas do “Resenha do Mumu” e, claro, canções de Alcione.

•       Cesar MC

Cesar MC é um jovem negro, periférico, natural do Morro do Quadro, em Vitória no Espírito Santo. O rapper criado nas batalhas de rimas conta com mais de 1 milhão de seguidores no Instagram.

Após conquistar o título de campeão do Duelo Nacional de MCs, em 2017, Cesar MC despontou no hip hop brasileiro, dedicando-se exclusivamente à carreira musical e abandonando a faculdade de matemática.

Seus principais trabalhos somam mais de 120 milhões de views nas plataformas digitais, com destaque para a música “Canção Infantil”, que recebeu o disco de platina da ONErpm pela marca de 60 milhões de players.

Entre seus projetos coletivos, destacam-se: EP Júpiter Dayane (produzido no Uruguai), Mixtape Pineapple (produzida em Paris, em Barcelona e em Lisboa pela gravadora Pineapple Storm), o acústico Primeira Vista, Poesia Acústica 8, 9 e 14, as cyphers Poetas no Topo e Favela Vive 4. Esses trabalhos juntos somam mais de 900 milhões de players.

Em setembro de 2021, Cesar lançou o seu 1º disco “Dai a Cesar o que é de Cesar”. O álbum conta com a participação de Djonga e de Emicida. O disco foi aclamado pela cena do Rap e faturou o prêmio de melhor álbum do Espírito Santo no 1° Prêmio da Música Capixaba.

Em outubro de 2023, Cesar lançou seu 2º disco “Ligações Estanhas” alcançando a marca de mais de 10 milhões de players em menos de 30 dias.

•       Conexão das Minas     

A “Conexão das Minas” reúne um grupo de B.Girls e rappers, artistas independentes de grupos variados de Hip Hop da cidade, para uma a apresentação na Festa do Trabalhador que irá contemplar os 4 elementos do Hip Hop: Breaking, Grafitti, DJ e MC’s.

As Bgirls Vivi e Isa representam o breaking, enquanto Stardust e Sumaya representam o graffiti, já Sol Negro é a DJ do evento, enquanto as MCs vêm com um time formado por Mafê, Vica, Braba e Dine Flow.

As minas, que ganham maior protagonismo em um cenário dominado por homens, chegam com questões sociais da periferia a fim de elevar a visibilidade feminina no movimento e, assim, criar uma rede de fortalecimento. Afinal, no Hip Hop, tornar-se e ser mulher envolve um processo histórico e sociocultural, onde a principal luta é a valorização da identidade feminina, assim como a sua inserção nesta linguagem artística.

•       Dani e Danilo     

A dupla sertaneja Dani & Danilo, formada em 1989, há muito tempo faz parte do cenário musical brasileiro, pois gravou o primeiro disco – ainda em vinil – em 1991 e não parou mais.

Dani é de São Paulo e Danilo é de Iacanga, e desde cedo residem em Araraquara. Ao longo da carreira, já gravaram com vários nomes consagrados da música brasileira, tais como: Matogrosso e Mathias, Gian e Giovani, Marciano, Silvio Brito, As Galvão, Teodoro e Sampaio – entre tantos outros.

Vale destacar que em 2005 foram vencedores do festival “Viola De Todos Os Cantos” da Rede Globo, em Poços de Caldas – MG, como melhores intérpretes. Depois, em 2018, foram indicados para o 2º Prêmio Inezita Barroso, pela Assembleia Legislativa de São Paulo.

Em 2019 comemoraram 32 anos de carreira lançando o 10º CD, o álbum “Paixão Sertaneja”, com várias participações especiais. Em 2022, aproveitando o programa “Alma Caipira” pela TV Cultura Paulista e TV Cidade, de Ibitinga, do qual eram apresentadores, lançaram o podcast “Dani e Danilo, Alma Caipira” no YouTube e no Facebook da dupla.

Para o show da Festa do Trabalhador, a dupla apresenta repertório eclético que vai agradar tanto o público adulto, como também os mais jovens, passando por vários ritmos, com música boa e alegria.

•       DJ Bizzo

Com uma trajetória de sucesso iniciada em 1999 em Araraquara, Fabrízio Augusto, o DJ Bizzo, construiu uma sólida reputação ao longo de 25 anos de carreira. Residente em diversas casas noturnas e eventos na região, é reconhecido por sua habilidade em mesclar diversos estilos musicais, com destaque especial para a house music. Bizzo abriu shows de grandes nomes da música nacional, como Jorge & Mateus, Gusttavo Lima, Eduardo Costa, entre outros, conquistando o título de “DJ das multidões”.

•       Jéssica Silva

A cantora e compositora Jéssica Silva tem conquistado o cenário musical sertanejo. Com um estilo próprio e uma rica mistura de sertanejo universitário e músicas sertanejas raízes, Jéssica Silva traz uma energia contagiante aos seus shows.

Inspirada por artistas como Marília Mendonça, Lauana Prado e Paula Fernandes, Jéssica incorpora essa influência em suas apresentações.

Jéssica Silva compôs músicas de sucesso como “Pra te merecer” em 2014 e “Pra te fazer lembrar” em 2016, ambas amplamente conhecidas em Descalvado, sua cidade natal, e regiões vizinhas.

Em sua carreira, Jéssica participou do Festival de Música Raiz de Porto Ferreira e região, onde conquistou o primeiro lugar com a música “Mão da saudade”. Sua dedicação e talento continuaram a se destacar, levando-a a se apresentar em diversas cidades do interior de São Paulo.

Com uma presença marcante nos palcos e uma voz encantadora, Jéssica Silva é promessa na música sertaneja e continua a conquistar corações por onde passa.

•       Samba de Batom

“Samba de Batom” é um grupo com formação integralmente feminina, que se destaca no cenário do samba. Composto por seis integrantes, com formações musicais e carreiras distintas, apaixonadas pela cultura brasileira, o grupo apresenta um repertório que abraça o samba em sua essência, buscando também incorporar a temática da valorização e do respeito à mulher. O grupo quebra o paradigma da forte representatividade masculina no samba, apresentando a versatilidade e a competência da mulher neste gênero musical.

Além da habilidade de todas as integrantes cantarem e tocarem instrumentos, o grupo destaca a competência feminina em produzir música de qualidade, reforçando o papel das mulheres não somente como intérpretes, mas também como compositoras, musicistas e referências no universo do samba.

O “Samba de Batom” é um grande passo para a ampliação da expressividade feminina na música brasileira, promovendo a inclusão em diversos setores, a diversificação dos espaços culturalmente significativos, e representa um marco importante na busca por equidade no cenário musical.

SERVIÇO:

Festa do Trabalhador

Local: Praça Scalamandré Sobrinho (Rua Mauro Pinheiro, s/nº – Vila Ferroviária / em frente à Arena da Fonte)

Dia: 1º de maio (quarta-feira)

Início: 15 horas

Shows musicais:

15h – Jéssica Silva e Dani e Danilo (sertanejo)

17h – Conexão das Minas (Hip Hop de Araraquara)

18h – Cesar MC (Hip Hop)

19h – Ato político com homenagem a dois trabalhadores (in memorian)

19h30 – Samba de Batom (samba)

21h – Mumuzinho (samba)

+ DJ Bizzo nos intervalos

E mais: brinquedos, pipoca e algodão doce, atividades culturais e esportivas com monitores

Programação gratuita + ônibus gratuito o dia todo

Redação

Mais Artigos

Últimas Notícias