domingo, 25, fevereiro, 2024

Governo Federal libera mais R$ 11,2 milhões para a Saúde em Araraquara

Cidade já recebeu R$ 60 milhões para zerar as filas de exames e de cirurgias eletivas

Mais lido

O prefeito Edinho e a secretária municipal de Saúde anunciaram, na tarde dessa segunda-feira (11), a liberação de R$ 11.2 milhões do governo federal que serão destinados a ações e serviços da Secretaria Municipal de Saúde.

“Nós estamos trabalhando muito, estamos participando de reuniões em Brasília, protocolando projetos, mostrando tecnicamente nossas demandas ao Ministério da Saúde, e conseguimos mais recursos principalmente para a nossa atenção básica. Já havíamos conseguido R$ 60 milhões para zerar as filas de exames e de cirurgias eletivas e vamos zerar, porque estamos trabalhando para isso. E agora conseguimos 11.204.448,04 milhões de reais. Agradeço muito o Presidente Lula que tem cuidado da saúde do Brasil e, consequentemente, da saúde de Araraquara. E agradeço também à Ministra Nísia Trindade, Ministra da Saúde”, declarou Edinho, durante a transmissão.

Eliana Honain, secretária municipal de Saúde, também agradeceu o governo federal, em especial a Ministra da Saúde, Nísia Trindade.

“Temos realizado um trabalho conjunto, com as equipes da Secretaria de Saúde aqui empenhadas e o prefeito Edinho indo a Brasília. E hoje, tivemos a liberação desses mais de R$ 11 milhões que é fundamental para que nós possamos cuidar das pessoas, para otimizar todas as nossas ações na área da Saúde, principalmente na Atenção Básica, porque a estrutura do nosso sistema é a Atenção Básica. Gratidão ao nosso Presidente Lula e à Ministra Nísia Trindade pela sensibilidade com Araraquara, mas principalmente pela sensibilidade de cuidar das pessoas, assim como nós estamos cuidando aqui na nossa cidade”, concluiu Eliana Honain.

Com a liberação dos recursos, a Prefeitura agora está enviando à Câmara Municipal projeto de Lei que autoriza a abertura de créditos adicionais especial e suplementar no valor de R$ 11.204.448,04 destinados a reforço e criação de dotações orçamentárias para Ações e Serviços Públicos de Saúde (ASPS) da Secretaria Municipal de Saúde.

A ideia é realizar adequações no orçamento vigente e incluir recursos adicionais oriundos desses repasses financeiros do Ministério da Saúde que prevê recursos para ações e serviços da Atenção Primária à Saúde, a Atenção Básica. 

Redação

Mais Artigos

Últimas Notícias